Apesar da crise pela pandemia, vendas de consórcio devem crescer até 15% em 2020

A maioria das aplicações financeiras vivem um cenário de incerteza por conta da pandemia da Covid-19 e muitas registraram prejuízos nos últimos meses. Por outro lado, o consórcio tem se tornado uma boa alternativa de aplicação financeira. Segundo dados da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (ABAC), as vendas de consórcio em 2020 devem crescer até 15%, podendo ultrapassar esta marca em alguns segmentos. O Mycon primeira fintech de consórcios 100% digital, já vem notando esta mudança ao registrar crescimento de 30% ao mês desde o seu lançamento em dezembro de 2019.

Primeiro trimestre 2020

Afetado pelas medidas de combate à Covid-19, o balanço do sistema de consórcio de veículos, que contempla veículos leves, pesados de motocicletas, encerrou o primeiro trimestre com estabilidade no número de venda de cotas e de participantes ativos, brecando movimento anterior de crescimento em 2020.

Por segmento, o destaque positivo fica por conta do desempenho dos veículos pesados, que inclui caminhões, ônibus, semirreboques, tratores e implementos, cujas vendas totalizaram 26,58 mil novas cotas nos primeiros três meses, alta de 61,1% sobre o mesmo período do ano passado (16,5 mil). O volume de créditos comercializados cresceu 64,9% no mesmo comparativo, com, respectivamente, R$ 4,32 bilhões e R$ 2,62 bilhões, conforme dados da Abac, Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio.

O bom resultado dos pesados contribui para a estabilidade no consórcio de veículos em geral, que praticamente repetiu os números do ano passado tanto em venda de notas cotas (565 mil) como no número de participantes ativos (6,2 milhões). No caso dos automóveis e comerciais leves houve pequena alta de 3,8%, com a venda de 312,8 mil novas cotas, enquanto o consórcio de motos caiu 8,5%, com 225,6 mil aquisições.

Mais informações acesse o relatório trimestral da ABAC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *